Inicio » , , , , » Aprenda como fazer um Baldrame ou Sapata Corrida!

Aprenda como fazer um Baldrame ou Sapata Corrida!


Primeiramente, o que é Baldrame?

O baldrame é o tipo mais comum de fundação. Constitui-se de uma viga, que pode ser de alvenaria, de concreto simples ou armado construída diretamente no solo, dentro de uma pequena vala. É mais empregada em casos de cargas leves como residência construídas sobre solo firme. É a base que sustenta a casa, dá solidez e transmite para o terreno toda carga (pêso) da casa (paredes, lajes, telhados,etc.). Um baldrame bem feito evita o surgimento de trincas nas paredes, evita o surgimento de umidade na parte de baixo das paredes.

Como montar e fazer um Baldrame?

Mais abaixo estarei explicando o passo-a-passo da construção de um baldrame, mas no geral se faz da seguinte forma:
Com o terreno nivelado e limpo, pode-se montar as fôrmas no gabarito das paredes. Instalam-se as ferragens e inicia-se a concretagem. As barras que se projetam para fora do concreto, no sentido vertical, podem ser usadas para ancorar os painéis da laje.
Depois que o concreto curar, pode desenformar a sapata e começar a montar a laje.


Passo-a-passo da construção de um Baldrame

1- Construída sobre uma camada de concreto magro, a sapata corrida com blocos de concreto tem dimensões que dependem do porte da obra. Primeiro passo para sua execução é abrir uma vala de 20 cm de largura além da espessura das paredes que serão construídas. A largura total da vala não deve ser inferior a 40 cm, nem deve ultrapassar um metro.

2- Se o terreno for inclinado, a vala deverá ser cortada em degraus, considerando uma linha imaginária de 10% de inclinação.

3- Depois, é preciso amassar o fundo da vala, para que sua superfície fique compactada e uniformizada. Em seguida, piquetes são cravados ao longo de sua extensão - eles servirão de referência para que o lastro de concreto fique nivelado e uniforme. 



4- Na sequência, é jogada uma camada de 10 cm de brita no fundo da vala, que será bastante socada, até que penetre na terra.

5- Paralelamente, é montada a armadura, posicionando os estribos, que ficam amarrados em barras horizontais com arame recozido, no espaçamento determinado pelo projetista. As fôrmas da sapata também são preparadas, com tábuas, sarrafos e desmoldante. 



6- Depois de posicionar a armadura na vala, começa a concretagem, adensando bem o concreto com barra de aço após o lançamento de cada lata. Para eliminar bolhas de ar, utilize um vibrador e alise a superfície com uma colher de pedreiro. 



7- O procedimento de cura úmida do concreto segue por três dias. Para manter a umidade constante, é preciso molhar com água, sem encharcar, duas vezes ao dia, em média. Se o clima estiver muito quente e muito seco, pode ser necessário adicionar água outras vezes.

8- Após 24 horas de realizada a concretagem, já é possível iniciar a execução da alvenaria de embasamento, assentando sobre a sapata os blocos de concreto, com argamassa de assentamento. Um nível ou mangueira transparente farão a checagem nos cantos.

9- Após os três dias, as fôrmas são retiradas e executa-se uma cinta de amarração, na última fiada da alvenaria de embasamento, antes da parede da casa.

10- É preciso impermeabilizar o baldrame, por fim.


Se continuarem as dúvidas, veja o vídeo abaixo para melhor esclarecimento.

3 comentários :

Unknown disse...

nota 10

Anônimo disse...

Toda parede tem que ter baldrame e colunas

Anônimo disse...

A água do quintal do vizinho quando chove e enche o quintal e a frente da casa dele a água ultrapassa para meu quintal e terraço tenho que fazer um baldrame num muro?

Anterior Proxima Página inicial

Receba no seu e-mail!

Curta a página!