Inicio » , , , , » Aprenda a diferença de Chapisco, Emboço e Reboco!

Aprenda a diferença de Chapisco, Emboço e Reboco!


São três camadas, que devem ser feitas na ordem certa e de acordo com as especificações da NBR. A primeira é o chapisco. Logo em seguida vem o emboço e, por fim, o reboco, que será a última camada para depois colocar a tinta.


Chapisco
O Chapisco também conhecido como Salpico é a primeira camada de argamassa aplicada no revestimento, e fica diretamente em contato com os tijolos. A finalidade de sua aplicação é justamente deixar a superfície de contato da parede mais áspera, e, por causa justamente de sua textura porosa, segurará com maior facilidade a segunda camada, que é o emboço.

Por isso, a argamassa deve ter alta resistência mecânica. Com espessura entre 3 mm e 5 mm, o chapisco cobre a superfície com uma camada de argamassa fina, que torna a base áspera e aderente.


Emboço

Essa nova camada será sobreposta sobre o chapisco, e é composto basicamente de areia, cimento, água e cal. Sua função principal é fazer o nivelamento do chapisco, deixando a superfície mais lisa para receber, enfim, o reboco. Quando uniforme, apresenta uma função também de vedação, dificultando a chegada de água e de agentes agressivos à lajota, o que, se feito erroneamente, causa muita umidade.

Com espessura entre 1,5 cm e 2 cm (interno) e de 3 a 4 cm (fachada), o emboço corrige pequenas irregularidades, melhorando o acabamento da alvenaria e protegendo-a de intempéries.


Reboco

É a última camada de argamassa do processo de acabamento da obra. É a camada mais fina, leve, que tem a função básica de dar um melhor visual à superfície da parede para então receber a tinta. Varia em torno dos 5 mm. É dispensável se utilizado um processo industrializado de nivelamento, que é o papel do emboço.

Ele deve ser feito com muita cautela e, quando necessário, corrigir as imperfeições deixadas pelo emboço. Será feito por último mesmo, depois até de janelas instaladas em seus devidos lugares.

Pode ser substituído pela aplicação de massa corrida. Usa argamassa de areia e cal com granulometria bem mais fina que a do emboço, que pode ser preparada na obra ou industrializada. Aplicado com desempenadeira em movimentos circulares, tem tempo de cura em torno de 25 dias.

0 comentários :

Postar um comentário

Anterior Proxima Página inicial

Receba no seu e-mail!

Curta a página!