Aprenda como fazer FÔRMAS para concreto armado!


como fazer formas para concreto armado

Você vai aprender o passo a passo como construir fôrmas para moldar o concreto armado em obras de construção civil, um material fundamental nas obras, sendo utilizado em várias aplicações, desde a construção de edifícios até pontes e barragens. 

Vamos mostrar como fazer essas caixarias de concreto armado de forma simples e eficiente para evitar erros e garantir a qualidade da obra. Portanto, não deixe de ler esse artigo até o final.

O que é concreto armado?

É uma estrutura composta por uma mistura de concreto e aço para ser usado na construção de muitos edifícios, pontes e outras obras que precisam suportar grandes cargas. 

Portanto, as formas ou caixarias são moldes que são usados para dar o formato e sustentação ao concreto enquanto ele está fresco e ainda está sendo moldado. Estas formas são feitas de diferentes materiais, como madeira, plástico, metal ou outros materiais.

Essas formas de concreto armado são projetadas para suportar as pressões do concreto enquanto ele está endurecendo. Elas são colocadas em torno armação de aço, que é colocado no interior da estrutura. 

A armação por sua vez é o que dá ao concreto a sua força e capacidade de suportar grandes cargas e as formas mantêm ele no lugar, permitindo que a cura do concreto aconteça corretamente, formando uma estrutura sólida e resistente.

Tipos de Fôrmas para concreto armado

1 - Fôrmas metálicas: 

São as mais utilizadas em grandes obras de construção, como edifícios, pontes e barragens, pois são leves, fáceis de montar e desmontar, e oferecem uma superfície lisa e uniforme para o concreto. 

As fôrmas metálicas são feitas de aço galvanizado ou de alumínio, e são revestidas com uma camada de plástico para evitar a aderência do concreto, onde suas principais vantagens são a sua durabilidade e a sua capacidade de se adaptar a diferentes formatos e dimensões, o que as torna ideais para projetos complexos.

Sem contar que elas são resistentes à umidade e ao desgaste, o que garante que elas possam ser reutilizadas em diversos projetos.

2 - Fôrmas de madeira: 

São as mais tradicionais e ainda são amplamente utilizadas em obras menores, como obras residenciais (casas populares). São feitas de madeira compensada ou de pinho, e oferecem boa resistência e durabilidade. 

Elas são fáceis de manusear e instalar, e podem ser adaptadas para atender às necessidades de diferentes projetos. Além disso, são ecologicamente corretas, uma vez que a madeira é uma matéria-prima renovável e de fácil reciclagem. 

Entre as principais desvantagens das fôrmas de madeira estão o fato de que elas podem absorver umidade, o que pode afetar a qualidade do concreto, e o fato de que elas podem se deformar com o tempo.

3 - Fôrmas de plástico: 

São as mais recentes e são cada vez mais utilizadas devido à sua leveza e facilidade de manuseio, pois são feitas de polietileno de alta densidade e são resistentes à umidade e ao desgaste. 

As fôrmas de plástico são fáceis de transportar e armazenar, oferecem superfícies uniformes e precisas para o concreto e podem ser recicladas após o uso. 

No entanto, a principal desvantagem de usar esse tipo de estrutura na obra está o fato de que elas podem ser danificadas por objetos pontiagudos ou por exposição a temperaturas extremas.

4 - Fôrmas modulares:

São sistemas de construção que utilizam módulos pré-fabricados para construir estruturas de edifícios e outros tipos de estruturas. Essas formas são projetadas com precisão para se encaixar perfeitamente umas nas outras, tornando o processo de construção mais rápido, fácil e eficiente em termos de custos. 

Elas são leves, o que permite o transporte e a instalação de grandes seções de estruturas em áreas de difícil acesso. Outras vantagens incluem maior precisão na construção, menos desperdício de materiais e maior segurança no local de trabalho, já que a maioria das tarefas é realizada em um ambiente controlado e seguro. 

Veja também:

Como fazer a montagem das fôrmas

Agora, veja como construir essas estruturas usadas para dar o formato ao concreto da construção civil, seguindo os passos da apostila abaixo e não tenha problemas futuros com uma montagem mal feita.

Na apostila você irá aprender a fazer as seguintes caixarias:
  • Fôrmas para PILARES;
  • Fôrmas para VIGAS;
  • Fôrmas para LAJES;
  • Fôrmas para SAPATAS;
  • Fôrmas para BLOCOS;
  • Fôrmas para PAREDES;
  • Fôrmas para ESCADAS;
  • Fôrmas para CONCRETO APARENTE.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aprenda como tirar o esquadro de um terreno!

Aprenda como fazer a tesoura do telhado de casa!

Distância entre Pilares ou Coluna (vão)

TRAÇO DE CONCRETO: o que é e tabelas com quantidade de material!