Como concretar VIGA BALDRAME (alicerce), passo a passo!


concretagem viga baldrame

Aprenda como concretar uma viga baldrame, em um passo-a-passo completo e prático, diretamente da obra para a telinha, levando aprendizado e conhecimento a todos.

A viga Baldrame, também conhecida como alicerce, é uma estrutura que pode ser de alvenaria, de concreto simples ou armado, construída diretamente no solo do terreno, dentro de uma pequena vala. É mais comem ser utilizada em casos de cargas leves, como residências construídas sobre solo firme. 

O alicerce é a base que sustenta a casa, dá solidez e transmite para o terreno toda carga (peso) da casa (paredes, lajes, telhados, etc.). Um alicerce bem feito evita o surgimento de trincas nas paredes, evita o surgimento de umidade nas paredes e até mesmo alguns problemas maiores que poderão dar muita dor de cabeça no futuro.

Por isso, é de extrema importância que sejam tomados todos os cuidados necessários para que essa estrutura seja feita de forma correta.

Passo-a-passo para concretar viga baldrame

Acompanhe as diversas dicas interessantes e importantes para serem colocadas em prática no dia-a-dia da obra. Se você seguir com essas técnicas, a construção será feita com muito mais segurança e um ótimo acabamento.

1 - Caixaria do baldrame

Após toda a caixaria da viga pronta e totalmente travada de forma que fique bem firme, chegou a hora de fazer a concretagem do baldrame.
Caso você tenha dúvida de como construir as fôrmas, recomendo que leia o seguinte artigo: passo-a-passo das fôrmas de viga, pilar e laje.

2 - Ferragem do baldrame

É extremamente importante que as ferragens que estão dentro da fôrma fiquem bem centralizadas, pois, dessa forma, o concreto cobrirá a ferragem em todos os lados, não deixando nenhuma parte do ferro exposto após remover a caixaria.

Se a ferragem não estiver bem centralizada e a ferragem ficar exposto a ação do tempo, ela pode enferrujar e com o tempo enfraquecerá a estrutura.

3 - Molhando as fôrmas

Sempre molhe as fôrmas antes da concretagem para que quando o concreto for despejado, a madeira não retenha a água do concreto, evitando que ele perca a resistência a estrutura se torne frágil.

Esse processo pode ser feito com uma mangueira e deve ser feito em todas as madeiras das fôrmas antes de serem concretadas.

4 - Vibração do concreto

É importante fazer a vibração do concreto enquanto ele é despejado nas fôrmas para que sejam eliminadas as bolhas, excesso de água e preencha os espaços vazios, deixando-o mais compacto, uniforme, eliminando falhas e garantindo um melhor acabamento.

A vibração pode ser feita com máquinas especiais para o trabalho ou com o socamento manual com um pedaço de ferro e também dando algumas batidas na madeira da caixaria para que o concreto fique bem assentado.

5 - Processo da concretagem da viga

1- Faça um concreto não muito seco, mas bastante homogêneo.

2- Com uma pá, colher ou balde você transporta o concreto da betoneira ou do local onde ele foi feito e despeje ele dentro da caixaria.

3- Faça a vibração do concreto com um equipamento vibrador ou utilize um pedaço de ferro e um martelo para fazer o assentamento perfeito.

4- Encha bastante a fôrma de concreto e bata com o martelo nas madeiras para que o concreto preencha todos os lugares e evite que fique com má qualidade.
Continue esse procedimento até completar todo o serviço.

5- Feito isso, deixe fazer a cura do concreto e espere o momento de desenformar.
Espero que esse tutorial tenha sido útil para você, portanto não deixe de curtir e deixar um comentário logo abaixo.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

110 Volts ou 220 Volts: saiba porque existe diferença de tensão em alguns estados.

TRAÇO DE CONCRETO: o que é e tabelas com quantidade de material!

Aprenda como tirar o esquadro de um terreno!

Como consertar porta de madeira lascada, passo-a-passo!