Inicio » , , » Todas as Etapas de Construção de uma Casa - Passo a passo!

Todas as Etapas de Construção de uma Casa - Passo a passo!

etapas da construção de uma casa


Saiba quais são todas as etapas para a construção de uma casa, com uma sequência de 11 fases importantes e que devem ser seguidas, desde a aquisição do terreno até a pintura.

O artigo visa a orienta-lo na construção ou reforma de uma casa, mas não desmerecendo a extrema importância do acompanhamento de profissionais qualificados pelo projeto e toda a execução da obra.

11 Etapas da construção de uma casa

1- Terreno

Verifique se você tem em mãos os documentos que provam que o terreno realmente é seu, como escritura ou o compromisso de compra e venda assinado e autenticado. Se você não tiver esses documentos, providencie eles antes de começar a construir para evitar possíveis dores de cabeça.

Faça a limpeza do terreno, retirando pedras, árvores, galhos e outros objetos que podem estar obstruindo o andamento da obra.
Importante verificar se na sua rua tem disponibilidade da rede de luz e água para, posteriormente, ser instalada na sua residência; verificar se as medidas do lote estão corretas; verificar se o caimento do lote está adequado para evitar que a água da chuva acumule.

limpeza do terreno

2- Planta da casa
Pegue lápis e uma folha de papel e faça o esboço do que você imagina da sua futura casa. Quantos cômodos ela terá, onde estarão localizados, tamanho, posição e divisão da casa, para que quando for solicitado o projeto, você já tenha em mente mais ou menos o que você espera que seja feito.

Vá até a prefeitura e veja quais são as exigências que devem ser cumpridas para a aprovação da planta da casa e autorização do começo da construção. Muitas prefeituras tem plantas prontas, que já estão aprovadas e com a licença para iniciar a obra.

Feito isso, chegou a hora de nivelar o terreno. Se precisar compre alguns caminhões de aterro e espalhe no local.
Construa um gabarito, marque a posição da casa no terreno, sem esquecer de sempre conferir o esquadro para evitar que as paredes sejam construídas de forma errada.


gabarito e esquadro da casa

3- Fundação

O alicerce ou fundação é onde a casa fica apoiada no terreno. Faça uma sondagem no local para saber qual fundação é a mais adequada, como baldrame ou sapata corrida, broca ou estaca e o radier

Contrate uma empresa especializada para realizar essa sondagem, mas você também pode conversar com vizinhos para saber quais foram as fundações feitas na vizinhança.

Nessa fase, dê uma atenção especial para a impermeabilização da fundação para evitar que a umidade suba pelas paredes, acabando com a pintura, reboco, criando bolor ou mofo e dando um aspecto muito desagradável a residência.


impermeabilizando a fundação da construção

4- Parede

Utilize tijolos ou blocos de concreto para fazer o levantamento das paredes internas e externas, mas antes disso faça o cálculo de quantos milheiros precisará na construção, qual é mais vantajoso e mais em conta para o seu orçamento. 
Recomendo que leia: como calcular a quantidade de tijolos.

Comece a levantar as paredes pelos cantos, fazendo a amarração correta e sem esquecer de verificar sempre o prumo e o nível das fiadas enquanto sobem.

Utilize a colher de pedreiro para pegar a argamassa, colocar no bloco ou no tijolo e sempre raspe a argamassa que sobrar durante o assentamento sem deixar cair no chão. Dessa forma você evitará o desperdício e terá uma obra mais limpa.


levantando parede de tijolo

5- Laje

As lajes são estruturas que ficam no plano horizontal, apoiadas sobre as colunas, dando um maior conforto e segurança para a residência.

As mais comuns são as feitas de concreto armado que são executadas pelos profissionais no próprio local. Mas também é muito comum o uso das lajes pré-moldadas, que são compostas por vigotas treliçadas e lajotas. Essas são de mais fácil execução e mais econômicas que a de concreto armado.

A processo de montagem da laje pré-moldada se dá pelo apoio das vigotas em pelo menos 5 centímetros de cada lado da parede e as lajotas encaixadas sobre elas. 
Detalhe: a primeira carreira de lajotas e a última poderão ser colocadas apoiadas sobre a cinta de amarração.

O escoramento da laje pré-moldada deve ser feito da seguinte forma: se o vão da laje for inferior a 3,40 metros, coloque uma fila de escoras sobre as vigotas; se o vão for superior a 3,40 metros, faça o escoramento das vigotas com 2 fileiras de pontaletes. Caso o vão tenha mais de 5 metros, consulte o fabricante da laje para saber que atitude deve ser tomada.


escoramento da laje com contraflecha

Esses pontaletes usados no escoramento devem ser um pouco mais altos que as paredes para que a laje fique com uma leve curvatura para cima, fazendo a contra-flecha da estrutura.

Em seguida, instale os eletrodutos ou conduítes e caixas de luz para a instalação elétrica. 

Após fazer isso, pregue algumas tábuas nas extremidades da laje para servir de fôrma para o concreto que será despejado na laje. Essa capa de concreto deve obedecer a espessura recomendada pelo fabricante da laje.
Importante: molhe as lajotas e as vigotas antes de concretar a laje.

6- Telhado

É muito comum das pessoas construírem as casas de laje e não fazerem telhado em cima, no entanto, é importante que a laje tenha pelo menos um caimento de 2 centímetros por metro para evitar o acúmulo de água.

Se você escolher de fazer a casa sem laje, construa as suas paredes de modo que fiquem da altura do telhado.

Para construir o telhado você deve começar pelos oitões ou empenas, dando o caimento do telhado. Verifique a altura da caixa d'água que ficará embaixo do telhado para fazer o caimento correto, lembrando que deve deixar o espaço para poder abrir a tampa para a sua manutenção.
Leia: como calcular o caimento do telhado.

A instalação da caixa d'água deve ser feita sobre caibros fortes, deixando uma distância mínima de 1,50 metros entre o fundo da caixa e o chuveiro, para que ele tenha uma pressão considerável.


telhado com caixa d'água embaixo

7- Esquadrias - aberturas

Os batentes das janelas e portas devem ser fixados nos tarugos que foram chumbados nas paredes, deixando-os bem esquadrejados e nivelados. 
Não esqueça de deixar o espaço para o acabamento do piso enquanto estiver fazendo a marcação das soleiras das portas e peitoris das janelas.

Para o assentamento das portas, verifique se elas não precisam ser aplainadas e serem feitos os furos para colocação das fechaduras e dobradiças. Caso precisem, se você não tiver conhecimento nem ferramentas para fazer, chame um carpinteiro.

Para a colocação dos basculantes, vitros e janelas, não tem muito segredo, pois, normalmente eles já vem montados com toda ferragem e, em alguns casos, até com o vidro colocado. Caso não for o seu caso, procure um vidraceiro.


instalação de portas e janelas

8- Revestimento

O revestimento das paredes mais comum é feito com argamassa em 3 etapas, que são elas: chapisco, emboço e reboco.

O chapisco serve para dar rugosidade a parede e uma melhor sustentação para as outras etapas. Ele é mais fino e pode ser lançado na parede e teto com uma colher de pedreiro, mas há quem faça com vassoura ou máquinas.

O emboço é feito para regularizar a parede, com uma espessura de 1 a 2,5 centímetros e deve ser muito bem verificado o prumo durante o processo.

O reboco é uma fina massa peneirada que é aplicada logo depois do emboço para dar acabamento que, posteriormente, pode ser pintado ou assentado os os revestimentos cerâmicos, azulejos, porcelanatos, etc.


chapisco, emboço e reboco

9- Piso

Antes de fazer o contrapiso, coloque as tubulações de esgoto da cozinha e do banheiro, deixando as esperas dos ralos. Deixe tudo bem firme com um pouco de concreto.

Feito isso, nivele bem o chão e soque para ficar bem compacta a terra e evitar que o piso ceda com o passar do tempo.

Prepare e espalhe uma camada de concreto magro de no mínimo 8 centímetros, assim formando o contrapiso. Se for fazer calçadas na frente e ao redor da casa, elas são feitas do mesmo jeito. Lembrando que você não pode esquecer de fazer o caimento da água da cozinha e do banheiro.

Depois do contrapiso pronto, você pode assentar os pisos cerâmicos, porcelanatos, tacos e ladrilhos diretamente sobre ele. Caso seja necessário uma melhor regularização, faça uma argamassa com cimento e areia.


fazendo contrapiso

10- Instalação Hidráulica e Elétrica

Caso você não tenha nenhum conhecimento de encanamento, a melhor opção é chamar um encanador experiente para realizar o serviço. Mas, se você entende sobre o assento e pretende "colocar a mão na massa", siga em frente.

Comece montando o cavalete da ligação do medidor de água, também conhecido como relógio da água. Você também pode comprar o cavalete pronto em lojas de materiais de construção.

Logo em seguida, assente a caixa d'água num local bem alto e faça a ligação do encanamento do cavalete até ela. Sem esquecer de colocar uma boia com registro, o ladrão da caixa d'água e a saída para limpeza.
Veja também: como instalar a caixa d'água.

Após fazer isso, desça com a tubulação da caixa d'água até a cozinha, banheiro e lavanderia, sem esquecer de instalar registros nessas ligações, para quando precisar fazer alguma manutenção do sistema.


Instalações Hidráulica e Elétrica

Se na sua rua passar uma rede de esgoto, não tem muito segredo de fazer a instalação. Mas, se não tiver, você precisará fazer uma fossa séptica com sumidouro. Construa esse sistema em um local mais baixo do terreno e um pouco afastado para evitar mal cheiro.

A instalação elétrica é extremamente recomendado que se faça por um profissional. Além de evitar problemas com a rede elétrica, você estará se prevenindo de possíveis acidentes devido a um serviço mal feito por alguém sem conhecimento.

11- Pintura

Essa fase é bastante importante para a proteção da casa dos raios do sol e da água da chuva, além de colaborar para a estética da construção.

O local da pintura deve estar bem seco e limpo, sem mofo, gordura e poeira, devem ser removidas todas as partes esfareladas do reboco. Se houverem irregularidades maiores, devem ser corrigidas antes da realizar a pintura; as pequenas fissuras podem ser resolvidas com massa acrílica, já as maiores devem ter uma atenção especial e tapadas com reboco. 


pintura da parede com rolo

Resolvido todos os problemas, já pode começar a pintar. Verifique quantas demãos de tinta serão necessárias para cobrir bem a parede com o fabricante da tinta ou um pintor profissional.

Espero que você tenha gostado dessa matéria e desejo que você tenha aprendido bastante com ela. Não deixe de compartilhar nas redes sociais e com amigos que possam se interessar pelo mesmo assunto.


9 comentários :

  1. um terreno de 10 metros de largura ,gostaria de saber o tamanho e ferrahens para fazer u8ma viga para sustentar jaje

    ResponderExcluir
  2. Não estou conseguindo visualizar o IN PARA BAIXAR O PDF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://cimento.org/wp-content/uploads/2010/06/M_OBRA.pdf

      Excluir
  3. Gostaria de saber como baixar este Armonia PDF?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://cimento.org/wp-content/uploads/2010/06/M_OBRA.pdf

      Excluir
  4. Como abaixo este arquivo será que teremos uma resposta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. https://cimento.org/wp-content/uploads/2010/06/M_OBRA.pdf

      Excluir

Anterior Proxima Página inicial